Caros paroquianos de Leiria e Cruz da Areia,


na presente situação, vimos, de novo, até vós, com uma saudação muito próxima e votos que possamos ultrapassar juntos todos os desafios que nos rodeiam e afectam em tantos modos.


Caros paroquianos de Leiria e Cruz da Areia,

Estamos a viver uma situação profundamente desafiante, em que somos confrontados com vários tipos de sofrimento.




Tendo em conta a nova situação a partir de 15 de janeiro, estabeleceu-se o seguinte para a nossa paróquia: